«

»

jul 05

Bueno Brandão realiza 30º Arraiá do Zé Bagunça entre os dias 06 e 08 de julho

Evento tem início na próxima sexta e promete atrair grande público

José Coutinho dos Santos Júnior, apelidado Zé Bagunça, nasceu em 1931 no Bairro dos Ciganos, em Bueno Brandão. Para cumprir uma promessa, realizou o primeiro  “Arraiá do Zé Bagunça” em 1982. As comidas e bebidas típicas eram preparadas e oferecidas gratuitamente por sua família, amigos e moradores próximos. A festa foi tomando proporções cada vez maiores, já não sendo possível realizá-la apenas de forma comunitária. Deixou, então, de ser realizada por alguns anos, até que em 2001, com a autorização do Zé Bagunça e de sua família, passou a fazer parte do calendário de eventos de Bueno Brandão, sendo realizada pela Prefeitura Municipal.

Arraiá do Zé Bagunça: essa grandiosa festa está em sua trigésima edição, valorizando e apresentando tradições muito representativas da cultura regional, mineira e até mesmo nacional. Por isso foi registrada pelo IEPHA (Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais) como patrimônio cultural mineiro, assim como a viola, oficialmente declarada há alguma semanas patrimônio imaterial de Minas Gerais. Neste 30º Arraiá do Zé Bagunça, a viola tem, como sempre, presença marcante: Terço Cantado, Dança de São Gonçalo, Catira, Folia de Reis e a música sertaneja raiz.

Uma das características da festa é o seu caráter social. A praça de alimentação, com suas barracas, é sempre destinada às entidades assistenciais da cidade, que cuidam do preparo das bebidas e comidas típicas, além do virado de frango, importante prato da culinária de Bueno Brandão.  Neste ano, a APAE assumiu este trabalho, ficando com toda a renda obtida com ele.

A inclusão social também é valorizada. Os alunos da APAE participam do Terço Cantado e da Dança de São Gonçalo, assim como os grupo atendidos pelo CRAS são inseridos nas apresentações. O artesanato, o crochê e os produtos da terra também são expostos e vendidos nos três dias de “arraiá”.

Confira a programação completa:

No dia 06 de julho, sexta-feira, temos a abertura oficial da festa com o Terço Cantado começando na Rua Califórnia, local das primeiras edições da festa, em frente à casa onde morava o Zé Bagunça. Enquanto isso, no palco do Arraiá, acontece apresentação da Escola de Linguagem Musical Cadu Marques. Com a participação do alunos da APAE, o Terço segue em direção à praça, onde é feita a Dança de São Gonçalo e apresentação de catireiros de Bueno Brandão. Logo após, show com as duplas Goiano e Paranaense, e Alysson e Adysson.

No sábado, dia 07, às 19h30, violeiros locais e a Folia de Reis percorrerão a praça, convidando todos a participarem da cantoria e do cortejo. No palco, às 20h30, um desfile com a produção de crochê da cidade e em seguida a apresentação da Quadrilha Oficial do Zé Bagunça, organizada por seus familiares. Às 22h00 o show com o Trio Sinhá Flor e, logo após, a dupla Amarildo e Alexandre e sua banda.

No dia 08, domingo,  a programação se inicia ás 15h30 com apresentação da Lira Santa Cecília e alunos da Escola Livre de Música de Bueno Brandão. Em seguida, apresentação dos alunos a APAE e da Camerata JKO. Às 18h30 o Grupo Makários será a atração, num show com músicas regionais e clássicos da MPB. Para encerrar a festa, a tradicional dupla sertaneja Craveiro e Cravinho se apresenta no palco do 30º Arraiá do Zé Bagunça.

divulgação_arraiá